EDGIC | s34e02 - Survivor Jackpot

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

EDGIC | s34e02 - Survivor Jackpot

Mensagem por Bonomi em 18/03/17, 01:27 am

Temas da Temporada/Histórias em Jogo:
O primeiro episódio teve praticamente sua própria história. Duelo pela coroa entre Tony e Sandra. Agora, com uma nova divisão de tribos, novos caminhos podem ser explorados nas relações interpessoais. No entanto, algumas histórias gerais têm conduzido a narrativa.

- Jogos de Tubarões/Vida Marinha: Embora não tenham dado explicitamente continuidade a comparação do jogo dos jogadores experientes com tubarões que esperam o momento certo para atacar, o jogo continuou sutilmente mostrando essa relação. Se no primeiro episodio Ciera e Tony foram eliminado por seus históricos e por colocarem as mangas de fora, agora Caleb foi eliminado por ter uma história com Tony.

A grande maioria dos jogadores continuam jogando como tubarões, circulando suas presas e eliminando ao menor sinal de sangue. Assim, quem tem dado motivo para eliminação, por menor que seja, tem colocado seu jogo em risco.

- Cirie Contra Ozzy: Presente novamente neste episódio, Cirie e Ozzy parecem ainda não terem se acertados. Eles vão se eliminar ou se tornaram aliados? Ainda não dá para saber, mas pelo jeito o relacionamento deles parece importante para um futuro próximo.

- Sobrevivência/Animais: Um dos principais plots de Ozzy, a questão de sobrevivência e precisar prover para o acampamento continua em jogo. Se no episódio passado tivemos em foco as galinhas e o antagonismo entre J.T. e Tai, agora tivemos a história envolvendo as cabras no acampamento da tribo Nuku.

- Sandra Rainha: Presente nos materiais de divulgação e no primeiro episodio, o reinado de Sandra tem sido uma das principais linhas narrativas nessa temporada e esteve de volta neste episódio, tendo comentários recorrentes sempre que a Sandra fala ou falam sobre ela.

EDGIC


ANDREA – MORN2
Finalmente Andrea teve apareceu. No primeiro episódio seu único confessionário foi “Game is on” (O jogo começou), mas só agora ela realmente teve alguma importância para o que víamos em tela.

Infelizmente seu único confessionário nesse episódio teve um tom negativo. Andrea tenta ser antenada e jogar com os números, mas seu relacionamento com Troyzan entregou que ela não estava fazendo um bom jogo tentando confortar seu concorrente.

Fechando seu tom negativo, Andrea fala para Sarah que eles precisam observar Troyzan para que ele não ache um ídolo de imunidade, mas logo em seguida nós vemos Troyzan achar o ídolo justamente quando Andrea abaixa sua guarda e o deixa sozinho.

Assim classificamos essa edição como No Meio da Estrada – Negativa. Ela parece que pretende estar atenta ao que acontece, mas sugere que ela possa estar um passo atrás do que realmente está rolando no jogo.

AUBRY – UTR1
Uma das personagens mais queridas do público não tem sido o suficiente para garantir destaque para Aubry. Participou da cena das cabras, falou algumas vezes, mas não ganhou nenhum confessionário e parece não ter tido importância para o jogo de sua tribo.

Suas falas durante as cenas garantiram que escapasse de uma edição INV, mas embora sua história possa começar só mais para frente na temporada esse combo inicial para uma das personagens mais populares do jogo pode ser um mal sinal.

BRAD – CPP4
Quem te viu, quem te vê! Quem diria que Brad Cupepper teria uma das melhores edições de Survivor: Gamer Changers? Embora não tenha tido tanto destaque como certos participantes (Sandra, Tony e agora J.T.), Brad é o participante que tem mais profundida, não só como participante, mas como pessoa.

Novamente falou de sua família, lembrando de Monica. Também teve destaque como responsável por transformar o acampamento de sua tribo anterior e de sua nova tribo em um “Lar”. Esses detalhes, que não precisam ser mostrados para a historia do jogo, são os justamente os elementos que fazem um jogador tem uma edição positiva, e Brad tem todos eles.

Winners normalmente não aparecendo errando. Assim, é um fato positivo que em seu confessionário ele fale justamente quem vai ser eliminado, apontando que tudo se resume a Hali e Caleb. Por outro lado, Winners normalmente não são mostrados dormindo e, principalmente rocando, em cenas do acampamento. Dessa forma a cena de Brad roncando no acampamento enquanto sua tribo esta acordada pode ser um sinal negativo de que talvez ele deixe seu jogo dar uma “cochilada” em algum momento.

Outro ponto positivo é que quando se trata de estratégia sabemos exatamente o que Brad está pensando. Em uma temporada com muitos narradores, um jogador que ganhe profundidade em seus confessionários é com toda certeza alguém para se observar.

CIRIE – CP2
Se na segunda parte do primeiro episódio tivemos um vislumbre negativo na edição de Cirie, agora tivemos uma retomada sem sua edição.

Não foi um episódio perfeito, mas seu único confessionário foi suficiente para explicar sua situação e conduzir seu relacionamento com Ozzy para finalmente uma retomada e quem sabe uma aliança.

No entanto é preocupante que seu jogo esteja ligado apenas a Ozzy (que não tem tido muito destaque além de prover ao acampamento) e principalmente pelo fato que eles nunca são vistos sozinhos, o que pode demonstrar uma dificuldade dela em realmente conseguir conversar com Ozzy, demonstrando que ele pode não estar tão aberto a realmente se aliar ou resolver suas diferenças com a Cirie.

DEBBIE – MOR3
Embora não tenha aparecido tanto nesse episodio como apareceu na segunda parte do primeiro, Debbie tem tido um material bastante maduro e coeso, bem diferente das edições OTT de sua primeira participação.
Um ponto positivo desse episódio em sua edição é que vemos ela analisando o jogo, afirmando que estavam “Rock Solid” (juntos como uma pedra) e que sabia que poderia jogar com Tai e Caleb por serem da mesma temporada, mas que eles (Tai e Caleb) tinham uma historia juntos e que isso poderia ser um problema.

Embora essa analise seja muito boa para narrar e conduzir o episódio, conseguimos ter uma profundidade muito boa da personagem.

HALI – MOR3
Com a corda no pescoço Hali falou muito bem no conselho tribal, mas durante o episódio apareceu bem pouco e sempre com comentários simples.

Embora tenha dito boas falas no primeiro episódio, agora não vemos muito de seu jogo. Enquanto todos os membros da tribo estão tramando quem eliminar, Caleb e ela são vistos na praia sem fazer nada. Além disso, ela coloca sua salvação nas mãos de um milagre (“A miracle will happen if I’m to be here tomorrow.”), mostrando sua pouca influência sobre a decisão da tribo como uma potencial lacuna no seu jogo social.

Depois desse episódio minha opinião é de que Hali não tem uma boa edição, mas que tem dado um bom material para ser usado quando for necessário, como no caso do CT deste episódio.

J.T. – CP5
Depois de um inicio preocupante J.T. finalmente começa a ter destaque. Mas não da melhor forma possível.

Agora sabemos que um dos motivos de não termos visto J.T. antes foi pelo fato de que seu jogo realmente só iria começar depois da mistura de tribos. Único membro da Nuku antiga na nova Nuku, seu lugar ficou em perigo e esse episódio tratou disso.

Como aspectos positivos de sua edição, podemos ver seu lado humano ao falar e defender as cabras, por outro lado, podemos ver que ele está ciente do perigo em que está nessa tribo e da necessidade de achar um ídolo para poder ser proteger com segurança. Mesmo não achando o ídolo ele jamais teve uma edição de vilão, se mostrando esperançoso de achar e até mesmo ganhando elogio de Jeff Varner por tentar achar o ídolo.

Como ele se sairá nos próximos episódios não sabemos, sua edição quase invisível no primeiro episódio e sua história principal estar relacionada a sobrevivência e animais ainda preocupa.

JEFF – MOR3
Dentre os tubarões, um dos que melhor tem se mostrado ciente do jogo e de que tem que ficar quieto se quiser ir longe.

Com sua terceira edição No Meio da Estrada (MOR) Jeff tem se mostrado um personagem constante. Sabe o que está acontecendo e tem deixado o jogo fluir sem se intrometer, deixando que os outros cavem suas próprias covas enquanto ele está salvo e não precisa se intrometer.

Além de em alguns momentos ser narrador, ele também tem mostrado que sabe analisar o jogo. Elogiando J.T. por ir atrás do ídolo, mas logo em seguida falando que isso não importa, pois de qualquer jeito o jogo de J.T. estaria ferrado.

Todos os detalhes de sua edição mostram que ele tem uma boa percepção do jogo e do que acontece ao seu redor, indicando que sua história pode crescer e ganhar importância na reta final da temporada.

MALCOLM – MORP3
Ao contrário do Inside Survivor, não vou colocar Malcolm como CP (Personalidade Complexa), pois ainda não ouvimos ele falar sobre estratégia no jogo. Malcolm teve uma ótima participação nesse episódio, teve oportunidade de mostrar (assim como J.T.) seu lado humano e também de que tem um ótimo social.

Na cena das cabras ele foi um dos principais narradores, mostrando sua importância para a tribo e para história, mas nunca como protagonista, o que que normalmente não é um sinal positivo.

MICHAELA – UTR1
Quem pode culpar Michaela por ter uma edição mais calma essa temporada no meio de tantos personagens dominadores? Diferente de Aubry, que não vemos, Michaela aparentemente tem escolhido ficar nas sombras e se controlar para não ficar tão em evidencia.

Sem perder um desafio ou ir para o Conselho Tribal, sua história basicamente foi sobre odiar perder e como ela tem tido dificuldade para controlar seu temperamento e suas expressões faciais.

Vale lembrar que ela foi responsável por lembrar a tribo que eles ainda tinham cinco galinhas e ajudar a resolver a situação das cabras, o que pode ser visto apenas como parte dessa historia, mas que em adição a confessionário sobre a Sandra ser uma vilã pode também ser um indicio de que em alguém momento irá abandonar a Rainha do acampamento.

OZZY – CP2
Diferente de Malcolm, embora tenhamos visto Ozzy basicamente falando sobre como cuidar e/prover do acampamento, ainda conseguimos ter uma boa percepção do que ele pensa e do que ele pretende fazer sobre a potencial aliança com Cirie.

Vemos Ozzy afirmando que na antiga Nuku ele não tinha uma boa relação com Cirie (Como vimos na segunda parte do primeiro episódio), mas que agora ele estava aberto a construir uma confiança com Cirie pois precisava dela.

O fato da história dos dois estarem tão interligadas aos dois ainda é preocupante, mas teve um tom muito mais positivo do que em relação ao episódio passado. Como nenhum dos dois ainda foram ao CT ainda não sabemos bem o que esperar deles na temporada, mas caso a Tavua vá para o CT nos próximos episódios podemos esperar que Ozzy e Cirie sejam os protagonistas da ação.

SANDRA – MORN3
Alguns vão questionar o motivo de não dar um OTT para ela este episódio, mas a verdade é que apesar dela aparecer muito (como sempre), sua edição vilanesca desse episódio não teve contornos estratégicos.

Todos na tribo mostraram ter compaixão com os animais, mas só Sandra se manteve a ideia de comer as cabras. Embora tenha aparecido muito no episódio, de maneira geral o grande destaque foi mesmo em relação a esta cena, o que não a confere ameça ou profundidade de jogo, deixando ela desta maneira No Meio da Estrada (MOR).

SARAH – UTR1
Depois de aparecer muito bem no primeiro episódio, agora já sabemos que não iremos acompanhar sua narrativa. Sua participação no primeiro episódio deu indícios de que em algum momento seu jogo pode ganhar destaque, mas que por enquanto essa história não será importante para o jogo.

Se seu jogo fosse importante para a temporada com toda certeza iriamos ver seus pensamentos sobre a nova tribo. Mas infelizmente não é isso que vemos. (Nem ela, nem a Aubry).

Sua edição nesse episódio só não foi invisível por ter sido mostrada conversando sobre Troyzan e sua reação a eliminação de Tony.

SIERRA – MOR2
Ela não teve muita participação no episódio até o momento em que a Mana perdeu a prova de imunidade. Estava com medo de que ela não fosse ser importante para a temporada ou para sua tribo depois de basicamente só ter falado da Legacy Advange no primeiro episódio, mas agora ela começou a ganhar um destaque que pode crescer durante a temporada.

No entanto, suas falas e seu confessionários não a conferiram uma edição complexa ou que pudéssemos ver muito de sua estratégia, mas podemos ver ela analisando os pontos positivos e contras da eliminação de Caleb, algo com importância circunstancial.

Brad pode ter ficado com o credito por ter feito tudo acontecer, mas podemos ver que ela (e Debbie) estavam ciente do que acontecia na tribo.

TAI – CP4
Os animais foram protegidos hoje, mas não graças a Tai. Ainda assim ele teve uma boa edição esse episódio. O arco de Tai hoje foi uma continuação do que vimos em Kaoh Rong. Semana passada foi em relação as galinhas, hoje foi sobre votar com a cabeça ou com o coração?

Tai tem mostrado que amadureceu e tem aprendido novos aspectos do jogo, no entanto ainda tem se mostrado muito dependente de seus aliados e dos números para tomar uma decisão, sendo incapaz de conduzir o próprio jogo.

TROYZAN – CPP4
Depois de quase não aparecer no primeiro episodio, agora Troyzan ganhou profundidade. Assim como J.T., ele caiu numa tribo em que é o único membro da sua antiga tribo, o deixando em minoria. No entanto, diferente de J.T. Troyzan teve sucesso em sua busca pelo ídolo.

Um dos pontos mais interessantes da edição de Troyzan nesse episódio foi que não só vimos características de um “Underdog”, mas também conseguimos ver o jogo por sua perspectiva. Como seu primeiro episodio foi relativamente fraco não podemos dizer ainda que ele tenha cara de vencedor da temporada, mas depois dessa aparição temos que ficar atentos.

ZEKE – UTR2
Não tivemos muito o que ver do Zeke nessa temporada ainda. Sua tribo não foi ao Conselho Tribal e nem perdeu nenhum desafio. Sua participação foi bem básica e circunstancial. No entanto conseguiu prever que estavam prestes a misturar as tribos.

Sua história na temporada ainda não começou, não conseguimos ver muitos indícios que vá muito longe, mas também não tivemos indícios que sai cedo.
avatar
Bonomi
Admin

Mensagens : 48
Reputação : 1
Data de inscrição : 25/01/2017
Idade : 27
Localização : Maringá/PR

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum